Arquitetura e Decoração Empreendimentos Lifestyle

Home Office: o novo jeito de trabalhar ao seu alcance

Há alguns anos, as mudanças na maneira de exercer funções trabalhistas têm tido influência direta na rotina do trabalhador. Liderando essa tendência, a prática do home office ganhou força e muitos adeptos. A possibilidade de poder trabalhar em casa sem os problemas dos deslocamentos e com maior liberdade, conquistou muita gente.

Segundo dados de uma pesquisa realizada em 2015 pela Regus, provedora de escritórios para locação, o Brasil é o segundo país com maior atuação de home office, totalizando 59% dos de pessoas que possuem a liberdade de trabalhar fora do escritório, em metade ou mais dias da semana. O país fica atrás apenas do México, que lidera o ranking com 70% dos trabalhadores podendo optar por um modelo flexível de trabalho. Na sequência dos países mais adeptos da prática, a China fica em terceiro lugar, com 58%.

home-office-apartamento-48m-le-monde-campolim

Perspectiva Ilustrada Le Monde Campolim 48m² com Home Office

O boom do home office foi impulsionado com a crescente de empreendedores e microempresários que instituíram seus escritórios dentro de casa – por economia, conforto ou mesmo a união dos dois fatores e então, o modelo virou sinônimo de maior qualidade de vida.

apartamento-48m-le-monde-campolim-home-office

Perspectiva Ilustrada Le Monde Campolim 48m² Sala com Home Office integrado

O crescimento desenfreado das cidades e a carência de infraestrutura para atender as novas demandas também traz no home office a chance de gerar impactos positivos nas cidades – menos gente nas ruas, menos carros em trânsito, poluição e superlotação. Essa realidade se tornou o sonho de muita gente que não se adapta a rotina de um escritório, por exemplo.

Workstation

Para que seu trabalho seja produtivo, é preciso ter uma estrutura adequada para que o dia a dia seja prático e funcional. Para aqueles que precisam receber clientes para reuniões, a ideia de ter uma workstation dedicada a isso nem sempre é simples, principalmente para quem não tem tanto espaço sobrando em casa.

Pensando na crescente tendência do home office, o Le Monde Campolim foi projetado para atender a demanda desses profissionais. Cada uma das torres do empreendimento conta com uma work station, equipada com mesa de reunião e estrutura para que você possa trabalhar em casa e receber o seu cliente confortavelmente no prédio.

work-station

Perspectiva Ilustrada Workstation Le Monde Campolim

Sala com home office integrado no Le Monde Campolim

Essa maneira de trabalhar ganhou muitos adeptos da nova geração: mais jovem, que prioriza a qualidade de vida e o melhor aproveitamento do tempo com uma rotina mais flexível. Para esse público, o apartamento 48m² é ideal. Ele pode ser personalizado para que tenha uma estrutura pronta para um espaço de home office, aliando o conforto do projeto com a funcionalidade do ambiente.

Dicas para que seu home office seja produtivo

O profissional que se dá melhor no home office é dinâmico, organizado, focado e multitarefa. Mas ficar em casa enquanto trabalha é também um desafio e para que ele funcione, é preciso estar atento a alguns pontos importantes:

  •  Aja como se estivesse indo para o trabalho: tome um banho, vista uma roupa adequada e se prepare para começar o expediente;
  •  Seja disciplinado! Nada de sentar no sofá com o computador no colo enquanto a televisão permanece ligada;
  • Os outros moradores da casa precisam respeitar e entender que, mesmo estando no mesmo ambiente, é preciso estabelecer alguns limites com relação ao trabalhador (não incomodar durante o horário estabelecido para o expediente, por exemplo);
  • Crie uma rotina e respeite, assim você se condiciona com o que funciona melhor para o seu dia a dia.

A prática traz vantagens gratificantes, como a eliminação do tempo perdido com os deslocamentos, a redução do stress, a flexibilidade e o conforto de estar em casa e já é considerada uma tendência irreversível, uma vez que é econômica e tem como aliada a tecnologia.

 

Veja também:
Brasilidade na decoração: o novo luxo que remete às origens
Cozinha aberta ou fechada: qual é melhor?
Cozinha aberta ou fechada? O que analisar antes de escolher